Vai valer a pena?

0 acreditaram nas minhas mentiras
Como já sabem, voltei a postar ano passado e disse que começaria do zero postando sempre. Mas pelas postagens que tem aí embaixo, dá pra saber que não foi muito além. Mas ao invés de ficar falando quando irei postar, eu posto quando sentir desejo e nada de promessas não cumpridas, ok? Vamos lá ao texto!

Esses dias, lendo umas frases, me debati com essa aqui:
"Por tudo que fomos, eu queria que nosso fim fosse carinho, mas não faço mais questão de nada que envolva você, já fui. Agora é contigo, felicidade pra nós, caminhando separados."

Linda, né?
Mas muito além da beleza, ela me despertou muita atenção no conteúdo. Não só porque era algo que eu estava vivendo, mas quando eu parei pra generalizar a idéia da frase, percebi que acontece o tempo todo, todo tempo.
Se eu falar pra vocês "o amor hoje é fast-food", vou estar sendo comum demais. Mas eu gostaria, sinceramente, de entender o que se passa na cabeça das pessoas ao começar um relacionamento. Sim, eu gostaria de entender, porque que a maioria das pessoas namoram com preguiça de pensar como será no futuro, como vai ser quando tiver desgastando, como vai ser quando vier as crises. Eu não consigo entender, porque hoje-em-dia "se não tá bom, parte pra outra".
Não sei se eu sou das "antigas" ou o que que é, mas eu ainda acredito que pra começar alguma coisa, qualquer coisa, sejá o que for, tem que examinar, testar, e ANALISAR como vai ser o "depois". E falando em relacionamento, principalmente. Estamos falando de pessoas, não de redes sociais, que podemos mudar o tempo todo.

Muito pior do que falar isso, é ter vivido isso. Eu decepcionei alguém, e pra mim não modificou nada. Não doeu nadinha. Porque eu calculei como seria, eu medi o que poderia dar de mim. E não só não sofri, mas saí com maturidade e com uma amizade linda!
 Devíamos ter mais paciência pra começar a se relacionar, não porque deva namorar já "procurando marido", mas porque não tem lógica começar algum relacionamento, sem convencer a sí mesmo de que vale a pena se manter nele sobre qualquer circunstância!

Desapegue e deixe ir

0 acreditaram nas minhas mentiras
Eu, sendo do sexo feminino, não consigo entender o mesmo:
Um dia desses, estava conversando com uma amiga e o telefone dela tocou. E ela começou uma conversa confusa e cômica com alguém. Ela estava conversando com um ex namorado. E nessa conversa ela questionava com ele. Porque o pobre estava namorando e não dava mais atenção pra ela. Dai um tempo ela já mudava a situação e falava que não se importava com ele.
Eu ouvindo aquilo, fiquei abismada. E quando ela desligou o telefone perguntei o que ela esperava dele, afinal.
E ela não soube responder! Simplesmente começou a reclamar que ele era isso, aquilo. Que a atual dele não valia nada e bla bla bla.
Mas a questão é: Se ela não se importava com ele, porque ela queria a atenção dele?
Ela não quer para ela, mas também não quer deixar livre para outras.

Depois disso, eu cheguei em casa e comecei a refletir a situação na minha vida. E eu pude perceber que isso é algo que vem das mulheres no geral. Mesmo não querendo exibir para o público que é o nosso, também não queremos deixar ir, e perder o "gamado" dos nossos pés.
Isso chega a ser engraçado, mas a verdade é que egoísmo é a palavra certa.
As mulheres reclamam da insensibilidade dos homens, mas não sabem valorizar os poucos sensíveis que nos restam. É legal segurar algo pra sempre, algo que para sempre vai nos QUERER. Mas é mais legal ainda, abrir mão de algo que não quer pra si. É bom deixar ir aquilo que não serve pra nós!